domingo, 24 de outubro de 2010

A Profecia de Billy Graham

As seguintes palavras foram ditas nos anos de 1958 e 1965 por um dos maiores evangelistas que o mundo conheceu: Billy Graham. Sem dúvida foram palavras proféticas lançadas há cinco décadas atrás para a atual geração:

Multidões de cristãos estão chegando ao ponto de rejeitar a instituição que nós chamamos de Igreja. Eles estão começando a aderir formas mais simples de adoração. Estão famintos por uma experiencia pessoal e marcante com Jesus Cristo. Eles anseiam por uma fé que arda em seus corações. A menos que a Igreja recupere rapidamente a autoridade de sua mensagem bíblica, pode ser que testemunhemos um espetáculo em que milhões de cristãos deixarão a Igreja institucional em busca de alimento espiritual.
 Penso que uma das primeiras coisas que eu faria seria selecionar um pequeno grupo de oito, dez ou doze homens ao meu redor que estivessem dispostos a se reunir algumas horas por semana e pagar o preço. Isso lhes custaria algo em termos de tempo e esforços. Em alguns anos, eu compartilharia com eles tudo aquilo que tenho. Assim, eu formaria de entre os leigos doze ministros que, por sua vez, selecionariam mais oito, dez ou doze homens e os treinariam.
Conheço uma ou duas congregações que estão fazendo isso e estão revolucionando a Igreja. Penso que Cristo nos deu o padrão. Ele gastou a maior parte de seu tempo com estes homens. Ele não gastou a maior parte de seu tempo com as multidões. Na verdade, entre as multidões os resultados não foram muitos. Ao que me parece, os maiores resultados surgiram de sua ministração pessoal e do tempo que ele gastou com os doze.

Via: Reimagining Church. Tradução: Pão & Vinho.

Penso que não há entre nós algum homem que tenha conhecido mais multidões do que Billy Graham. Para alguém que pisou em mais nações do que o próprio Cristo encarnado e encheu mais estádios do que qualquer apóstolo ou profeta bíblico, sua conclusão a respeito das multidões é simplesmente fascinante.

Voltemos à intimidade do Cenáculo!

2 comentários:

  1. Concordo com Billy Graham, pois as instituições estão deixando o povo de Deus faminto, só há capim seco, as ovelhas estão morrendo de inanição. Lamentável. Paz!

    ResponderExcluir
  2. Agradeço a Deus pela vida deste homem, por sua fé, sua lealdade ao Senhor e sua incansável luta pela pregação da palavra, com mensagens que me tem abençoado grandemente. Deus continue contigo

    ResponderExcluir