sexta-feira, 20 de agosto de 2010

É LÍCITO O USO DA PALAVRA DE DEUS PARA ANGARIAR VOTOS?

Uma das coisas que mais vemos nos tempos de campanha eleitoral é político cumprimentando os irmãos com “A Paz do Senhor”, “Graça e Paz”, “A Paz de Deus”, “A Paz de Jesus”, etc.

Se isso por si só já não fosse manjado e suspeito, alguns deles mal instruídos por seus cabos eleitorais “cristãos” e até mesmo por “pastores” chegam ao ponto de decorarem versículos e passagens inteiras da Bíblia Sagrada, para recitarem nas igrejas por onde passam ou até mesmo em encontros que sejam formados por evangélicos.

É bom que fique claro que, essa prática não é peculiaridade deste ou daquele partido, mas uma regra quase que geral. Independe de que lado se esteja, e é bom que todos nós cristãos estejamos atentos a tal atitude.

Não me refiro aqui nos casos dos políticos que são cristãos genuínos, que verdadeiramente servem ao Senhor e tem a Palavra de Deus como regra de fé e prática em suas vidas.

Neste texto não quero me referir sobre as circunstâncias diversas que podem ter levado tais políticos a tais reuniões e ou cultos, ou mesmo sobre as oportunidades que lhes foram e são concedidas, se válidas ou não, ou se as palavras foram proferidas no púlpito ou em outro lugar.

Quero aqui me ater e refletir sobre o uso indevido da Palavra de Deus, por parte de pessoas que não decidiram segui-la, muito menos tomá-la por estatuto em sua vida.

Leiamos com atenção o texto de Salmos 50: 16-22

"Mas ao ímpio diz Deus: Que tens tu que recitar os meus estatutos e que tomar o meu concerto na tua boca, pois aborreces a correção e lanças as minhas palavras para detrás de ti? Quando vês o ladrão, consentes com ele; e tens a tua parte com adúlteros. Soltas a tua boca para o mal, e a tua língua compõe o engano. Assentas-te a falar contra teu irmão; falas mal contra o filho de tua mãe. Estas coisas tens feito, e eu me calei; pensavas que era como tu; mas eu te argüirei, e, em sua ordem, tudo porei diante dos teus olhos. Ouvi, pois, isto, vós que vos esqueceis de Deus; para que vos não faça em pedaços, sem haver quem vos livre." (o grifo é meu)

Vejamos em que encrenca se metem os políticos que assim agem, e da mesa forma os servos de Deus que os instruem a fazerem isso.

É lógico que o texto fala sobre qualquer um que recita ou prega em vão a Palavra do Senhor, no entanto sem atribuí-la à sua própria vida. Isso é hipocrisia e engodo mesmo para aqueles que estão dentro da igreja. Essa atitude, no caso de líderes religiosos, é a velha prática do “faça o que mando, mas não faça o que eu faço”.

Esquecem, porém que, a Deus ninguém engana:

"Assim diz o SENHOR: Por três transgressões de Judá e por quatro, não retirarei o castigo, porque rejeitaram a lei do SENHOR e não guardaram os seus estatutos; antes, se deixaram enganar por suas próprias mentiras, após as quais andaram seus pais.                                         " - Amós 2:4

"Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará." - Gálatas 6:7

Não seria mais propício que tais pessoas, em horário e momento propício educadamente, cumprimentassem a todos com um bom dia, boa tarde ou boa noite, e depois de maneira cidadã dessem o seu recado, sem no entanto fazer uso da Palavra de Deus, apenas com interesses sazonais e para o seu próprio proveito?

Reflitamos!




Pr. Carlos Roberto Silva

7 comentários:

  1. Prezamado Josué,
    A paz

    Deixo para os falacioiosos pregadores sazonais, 1)de olhar interesseiro;2) de lingua vil e profanadora;3)de mãos que se abrem apenas para cumprimentar os incautos em potencial;4) de corações não regenerados, plenos de iniquidade; 5) de pés que só os dirigem para o mal;6) de testemunhos que prometem falsamente àqueles que os ouvem;7) de afinidade com palavras mentirosa e de interesse único em promover a discórdia entre os irmãos que lhes ouvem:

    a) A certeza absoluta de que "a sua destruição virá repentinamente, subitamente, será quebrantado sem que haja cura" (Pv 6:15);

    b) Que destas sete ações enunciadas, seis aborrecem ao Senhor e a sétima, a promoção de contendas, através de mentiras o Senhor ABOMINA (Pc 6:19)

    Seu conservo em Cristo
    Alberto Couto Filho

    ResponderExcluir
  2. Graça e paz amado irmão

    É importante realmente salientar que, pelo menos esta é nossa visão aqui no Siga o Mestre, que é incoerente e totalmente incorreto utilizar o SANTO nome do Senhor para angariar votos, uma vêz que, como alguns destes "fariseus" gostam de defender quando convêm: NÃO HÁ RESPALDO PARA ESTAS ATITUDES EM TODA A ESCRITURA.

    Porém entendemos que a igreja deve saber como votar, responsabilidade adquirida arduamente e de nossa inteira responsabilidade enquanto cidadãos deste país, mesmo porque os cristãos não estarão alienados quanto aos resultados destas eleições. Os pastores e presbíteros da igreja, entendemos, devem orientar bem suas ovelhas, orientar e não induzir, muito menos indicar, EM PÚLPITO, um candidato, menos ainda, perder o precioso tempo de um CULTO AO SENHOR para falácias (como diz o irmão Alberto Couto Filho) que em NADA acrescentam para O Reino.

    Veja nossa última publicação, uma orientação do PR. Paschoal Piragine Jr da PIB aqui de Curitiba, vale a pena!

    Grato por nos seguir, faremos o mesmo, não apenas por retribuição mas porque o apoiamos em suas publicações.

    Edinelson Lopes
    SIGA O MESTRE

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Muito bacana a postagem!
    Que Deus o abençoe!
    seria um prazer te-lo como amigo no meu blog:
    http://rose-brytto.blogspot.com
    Vivendo a Fé!

    ResponderExcluir
  4. Oi mano, graça e paz, sempre!

    Parabéns pela iniciativa e o conteúdo apresentado em seu blog. Já o estou seguindo.

    Aproveito para lhe convidar a conhecer meu espaço e se desejar segui-lo, será uma honra.
    Seus comentários também serão sempre bem-vindos.

    http://oreinoemnos.blogspot.com/

    Aparece lá!

    ResponderExcluir
  5. Graça e Paz
    Irmão,que Deus continue lhe abençoando juntamente com sua família.Parabéns pelo blog,que possamos usar essa "ferramenta" internet,para alcançar vidas,falando sobre o amor do nosso Deus.Um amor incomparável,que foi demonstrado na cruz do calvário através do sacrifício do nosso Senhor, e único Salvador Jesus.
    Em Cristo que nos une
    Cláudia Mariz
    http://saronperfume.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá Josué,
    Quero te parabenizar pelo Blog e pelas suas postagens. Já me tornei um seguidor.
    Quero aproveitar para te convidar a visitar e o meu Blog Teologia Inteligente e, se desejar, também segui-lo.
    Ah, e por favor, não deixe de comentar nossa última postagem; é só clicar aqui.
    Juntos somos mais eficazes na proclamação do Evangelho !!!
    Te espero lá...
    Soli Deo Gloria !!!

    ResponderExcluir
  7. PAZ SEJA CONTIGO

    TENHO LUTADO A 3 ANOS CONTRA AS MANIPULAÇÕES DE LIDERES RELIGIOSOS QUE "FORÇAM" A BÍBLIA A DIZEREM PARA VOTAR NESTE OU NAQUELE CANDIDATO.

    QUASE APANHEI A SOCOS DE UM PASTOR POR PROTESTAR CONTRA TAIS SITUAÇÕES

    NO MEU BLOG NARRO ALGUMAS SITUAÇÕES E ESTUDOS A ESTE RESPEITO.

    ResponderExcluir